Saturday, November 22, 2014

Os Príncipes Nigerianos se Tornaram Editores de Revistas Acadêmicas!

Um dos maiores milagres da ciência moderna é a transformação de príncipes Nigerianos em editores de jornais acadêmicos. Já notaram que a quantidade de emails que vocês recebem de príncepes Nigerianos com uma “business proposition” diminuiu na mesma proporção em que emails convidando-os para publicar numa revista acadêmica de medicina aumentou? Você acha extremamente curioso que mesmo não sendo médico você se qualifica para publicar um paper científico na área...pois é, a picaretagem corre solta na nova industria editorial de pay-to-publish na academia. Se continuar assim corremos o risco da próxima edição dos CVs da Dilma e do Mercadante estarem repletos de publicações em peer review journals…

Como Desmascarar um Palhaço Petista e seus Argumentos Canalhas?

Um elemento publicou no pasquim petista Folha de São Paulo um artigo infame com um grau de canalhice extradordinário, puxando o saco da Dilma e dizendo que no petismo se rouba menos do que antes. O Implicante detona o articulista numa porrada sideral, mostrando sua falta de caráter e a vacuidade de sua tese cretina. Segue o artigo na integra:
O artigo de Ricardo Semler na Folha de São Paulo (que surpresa…) foi celebrado por petistas internéticos (aqueles mesmos que, até agora, estavam num silêncio ensurdecedor enquanto jorram denúncias contra a Petrobras). A resposta genérica do “sempre teve mutreta” é um recurso comum de quem é pego com a boca na botija, de modo que não surpreenda a repercussão – entre militantes – do texto de Semler. Nesse pormenor, de fato, não falou nada muito errado.
Mas sigamos.
O problema é dizer que as prisões decorrem do fato de Dilma ser presidente, atribuindo a ela o avanço nas coisas. Não é verdade, pois a Polícia Federal atua de maneira AUTÔNOMA, independentemente de quem está no poder. E essa tese se afunda ainda mais quando consideramos as delações premiadas (a depender de quem estava no esquema, portanto, nada seria descoberto).
Também escapa da lógica e do mundo real a ideia – defendida no texto sem muito fundamento (até porque não existiriam) – de que hoje se rouba MENOS. O título “nunca se roubou tão pouco” é de certa forma acintoso. Como assim “pouco”? Há POUCO para roubo? E há ainda “tão pouco”? Por favor, né? Mas, não, não foi pouco. Nem menos do que antes. Fizemos no Implicante uma linha do tempo narrando o Petrolão e a operação Lava Jato. Vejam aqui.
No fim das contas, o raciocínio do “sempre teve disso” (agora promovido a “hoje é bem menos”) serve para relativizar o escândalo sem precedentes (e, sim, é sem precedentes), fazer de conta que a culpa é do sistema, de algo maior (se todos são culpados, então ninguém é culpado). Resta avisar aos que agora estão promovendo delações premiadas e devolvendo centenas de milhões de reais desviados.
Mas há algo ainda mais curioso aí nesse artigo.
Virando novamente a própria mesa
O que de fato assusta no texto de Ricardo Semler é a acusação indireta (ou não tão indireta assim) que faz ao próprio sócio, Philippe Reichstul – confiram aqui, no site da Semco Partners, sua presença no quadro societário (informam que está desde 2006).
Ocorre que Philippe Reichstul foi nada menos que PRESIDENTE DA PETROBRAS (de 1999/2001). Sim, sério. Vejam aqui.
Vale ressaltar um trecho do artigo de Ricardo Semler:
“Nossa empresa deixou de vender equipamentos para a Petrobras nos anos 70. Era impossível vender diretamente sem propina. Tentamos de novo nos anos 80, 90 e até recentemente. Em 40 anos de persistentes tentativas, nada feito. Não há no mundo dos negócios quem não saiba disso. Nem qualquer um dos 86 mil honrados funcionários que nada ganham com a bandalheira da cúpula.” (grifos nossos)
Se agora – segundo o articulista – rouba-se MENOS, como era na época em que seu sócio na Semco Partners, Philippe Reischstul, foi presidente da empresa (notem que ele acusa a CÚPULA)? Como foram aqueles dois anos? Pois é… Considerando ainda a ideia defendida pelo texto (agora roubariam menos), o que afinal de contas levou Semler a associar-se a um ex-presidente da Petrobras justamente na época em que, segundo ele próprio, as coisas não eram tão “boas” quanto agora?
São perguntas que podem parecer irônicas, mas na verdade são muito sérias. E devem ser feitas pela CPI. Nada mais justo, honesto e correto que chamar o próprio Semler, que diz saber desses casos. Além dele, claro, seu sócio que presidiu a empresa por dois anos, naquele período que (novamente, segundo o articulista) as coisas eram piores.
Cabe à oposição o DEVER de convocar Ricardo Semler e seu sócio. Não é admissível passar panos quentes sobre essas declarações. São verdadeiras? Não são? Pois DEVEM ser investigadas, pois são acima de tudo muito graves. E se a oposição NÃO convocá-los nem citar os fatos narrados no artigo, acaba caindo naquele comportamento da base governista que tanto condenamos.
Alguém discorda?

Uma Resenha Excelente da Nova Biografia de Stalin

Uma das melhores resenhas de livro que já li. Curta, objetiva, crítica, informativa e bem humorada. Escrita por Donald Rayfield sobre a nova biografia de Stalin de Stephen Kotkin: Inescapably, the young Stalin's intellectual acumen is as impressive as his ambition. Perhaps the crucial remark (not cited by Kotkin) is to be found in a letter to a girlfriend, telling her that The Tempest was the greatest Shakespearean play. Stalin was a Caliban who, helped by drunken sailors, would overthrow Prospero and seize his kingdom. What emerges well from Kotkin's account is Stalin's activity as a publicist and editor. Books that Stalin annotated reveal that we are dealing with the ultimate proofreader, a man who never missed an author's or an editor's mistake. No wonder Soviet literature's greatest achievement was eliminating misprints, which were considered 'raids by the class enemy' (an attitude one wishes Penguin Press might adopt).

Thursday, November 20, 2014

Faith No More - Caralho Voador

Um País de Fidalgos: Na Selva Todos Querem Viver de Renda

Dilma foi reeleita pelos rentistas do bolsa família, bolsa BNDES e bolsa ocaralhoaquatro. O Brasileiro ama a preguiça e se ela rende uns trocados, ele se apaixona. Todas as notáveis idéias dos politicos brasileiros se resumem a criar rendas, como se elas caíssem do céu, como se os recursos fossem gratuitos. Vejam mais uma das brilhantes idéias asininas que infestam a selva: Projeto de Lei quer aumentar licença-maternidade para um ano.

IMPAGÁVEL! Olavianos Infiltram a Folha de São Paulo

O bastião sagrado do petismo, a Folha de São Paulo, teve sua fortaleza penetrada. Pela primeira vez em sua nefasta existência o veículo oficial dos comunistas brasileiros experimentou o que seus militantes fazem alhures: a Folha de São Paulo foi infiltrada! Pior! Foi infiltrada por uma pessoa inteligente que leu Olavo de Carvalho e o elogia! É o horror! Cabeças certamente rolarão na redação do folhetim paulistano.

Morre Márcio Thomaz Bastos, o Maior Defensor do Mensalão

Morre o petista Márcio Thomaz Bastos, considerado unanimemente por todos os bandidos, do governo e fora dele, como o maior criminalista do Brasil. Sobre o seu legado lamentou um nobre bacharel: “Márcio Thomaz Bastos passou para a história como o advogado do mensalão. Poderia ter sido bem mais”. Sim, sem dúvida, ele poderia ter defendido causas mais nobres e pessoas mais honestas e trabalhadoras como o Fernandinho Beira-Mar.

Wednesday, November 19, 2014

O Perfeito Idiota Brasileiro

Por que o PT vence eleições e nada de braçada no Brasil? A resposta óbvia é porque a maioria dos brasileiros acha que o PT os representa. Entenda o eleitor típico do PT, o perfeito idiota brasileiro [PIB], definido muito bem por Adriano Silva: Idiota à brasileira. Ele fura fila. Ele estaciona atravessado. Acha que pertence a uma casta privilegiada. Anda de metrô - mas só no exterior. Conheça o PIB (Perfeito Idiota Brasileiro). E entenda como ele mantém puxado o freio de mão do nosso país. Ele não faz trabalhos domésticos. Não tem gosto nem respeito por trabalhos manuais. Se puder, atrapalha quem pega no pesado. Trata-se de uma tradição lusitana, ibérica, reproduzida aqui na colônia desde os tempos em que os negros carregavam em barris, nos ombros, a toilete dos seus proprietários, e eram chamados de "tigres" - porque os excrementos lhes caíam sobre as costas, formando listras. O Perfeito Idiota Brasileiro, ou PIB, também não ajuda em casa. Influência da mamãe, que nunca deixou que ele participasse das tarefas - nem mesmo pôr ou tirar uma mesa, nem mesmo arrumar a própria cama. Ele atira suas coisas pela casa, no chão, em qualquer lugar, e as deixa lá, pelo caminho. Não é com ele. Ele foi criado irresponsável e inconsequente. É o tipo de cara que pede um copo d¿água deitado no sofá. E não faz nenhuma questão de mudar. O PIB é especialista em não fazer, em fazer de conta, em empurrar com a barriga, em se fazer de morto. Ele sabe que alguém fará por ele. Então ele se desenvolveu um sujeito preguiçoso. Folgado. Que se escora nos outros, não reconhece obrigações e adora levar vantagem. Esse é o seu esporte predileto - transformar quem o cerca em seus otários particulares.

Ajoelhou Tem que Rezar, Filho da Puta

Um dos maiores pensadores brasileiros, Chacrinha, já dizia : “ajoelhou tem que rezar, cabrito berra quando quer mamar”. E não é que os larápios vagabundos do PT esperam por um milagre? Os familiares de Renato Duque, o ex-diretor de serviços da Petrobras, organizaram no final de semana uma maratona de orações pela sua libertação. Parentes, amigos e conhecidos estão se revezando na reza, ininterruptamente. Na Igreja Católica, dá-se esse tipo de campanha a “cerco de Jericó”.

A Inacreditável Canalhice e Mau Caratismo de uma Militante Petista Travestida de Jornalista

É inacreditável e inaceitável que o portal oficial do partido democrata Americano [o PT dos EUA], Yahoo.com, publique no Brasil um lixo como este: Quem são os bandidos que batem em jornalistas e pedem o impeachment de Dilma.

Depois do Mensalão, do Petrolão e do Eletrolão Vem Aí o PIROCÃO

O PT abusou. Roubou demais, demais. Quando o mensalão explodiu nego pensou que se tratasse do maior escândalo de corrupção da história geológica do universo desde o big bang. Ninguém imaginou que pudesse haver algo maior e mais canalha do que o esquema de Lula e zédirceu, nem mesmo Santo Anselmo de Aosta. Hoje vemos que o Petrolão bota no bolso o mensalão, um pequeno caraminguá petista perto do que Lula e Dilma roubaram na Petrobras. Mas o PT é guloso, sua tara pelo dinheiro público é ilimitada, há sinais de que a volúpia financeira do PT violentou também o setor elétrico... Uma hora o país tem que reagir, os 50 milhões de trabalhadores que pagam impostos e sustentam toda a corja estão cansados, enojados, de saco cheio de tanto achaque desses vagabundos abusados e presunçosos. Eles têm a polícia Federal e uns poucos juízes honestos como o Juiz Sergio Moro lutando pela decência, impondo a lei. A lei, inflexível, dura e poderosa é o pirocão que o Brasil depositará com amor, carinho e compreensão no rabo do PT.

Tuesday, November 18, 2014

O Petista Nassif Chama o Petista Toffoli de Golpista

Deu a louca no PT. Os petistas estão como gatos em telhado de zinco em dia quente. Estão alvoroçados, desesperados em perder as bocas no governo federal e qualquer coisa é motivo de alarido. Mesmo contra os próprios militantes que eles infiltraram. É o caso de Nassif atacando Toffoli: Armado por Toffoli e Gilmar, já está em curso o golpe sem impeachment.

O Tratamento de Trombose e Embolia Pulmonar que Rende Milhões para o Doente

Um verdadeiro milagre da medicina financeira turco-fenícia paulista: Duda Mendonça, hospitalizado ontem por causa de uma trombose (leia mais aqui), terá alta nos próximos dias. Além da trombose, Duda foi diagnosticado também com uma embolia pulmonar leve, mas o exames feitos ontem e hoje no Sírio-Libanês revelaram que sua saúde está sob controle.

O Ridículo e Covarde Editorial do Estadão

O editorial do Estadão é o exemplo perfeito da tática socialista de inventar um inimigo e atacá-lo para minimizar os crimes e a falta de caráter da esquerda. O PT e seus militantes na grande imprensa inventaram a nova direita brasileira, uma que deseja um golpe militar. É claro e evidente que essa direita só existe na imaginação do PT e na presença de meia dúzia de militantes petistas infiltrados nas manifestações anti-PT travestidos de saudosas cadelas de quartel. O PT precisa dessa direita inventada, precisa desse suposto inimigo para se fingir o defensor do estado de direito democrático. Com a invenção desse inimigo o PT arrasta o debate ainda mais para a esquerda, para o seu ponto de vista, como se ele fosse a régua para medir o certo e o errado. Isso é uma piada, assim como é o editorial do Estadão que apenas no último paragrafo fala do PT, mas não do partido como um todo, apenas da sua ala esquerda marxista, a ala tida como autoritária… Ridículo! O PT é um partido marxista-leninista, i.e., essencialmente um partido autoritário e oportunista. O PT joga o jogo democrático para desvirtuá-lo e transformá-lo numa ditadura comunista. É preciso sempre repetir o óbvio, o elementar e o evidente: Nunca existiu ou existirá um partido comunista que respeite e conviva com a democracia pois a democracia é a negação de sua própria natureza.

Monday, November 17, 2014

Explicando Stalin, o Comunista Assassino de Milhões

Nova biografia de Stalin, o massivo livro de Stephen Kotkin: Stalin: Volume 1: Paradoxes of Power, 1878–1928. Ele explica a sede de sangue de Stalin como uma consequência lógica e necessária da ideologia comunista, i.e., do Marxismo-Leninismo. Anne Applebaum escreve uma excelente resenha do livro: most Bolshevik leaders continued to seek guidance in this ideology, and Stalin was no exception. In later years, outsiders would listen incredulously to the wooden pronouncements of the Soviet leadership and ask whether they could possibly be sincere. Kotkin’s answer is yes. Unlike the uneducated cynic of Trotsky’s imagination, the real Stalin justified each and every decision using ideological language, both in public and in private. It is a mistake not to take this language seriously, for it proves an excellent guide to his thinking. More often than not, he did exactly what he said he would do. Certainly this was true in the realm of economics. The Bolsheviks, Kotkin rightly notes, were driven by “a combination of ideas or habits of thought, especially profound antipathy to markets and all things bourgeois, as well as no-holds-barred revolutionary methods.” Right after the revolution, these convictions led them to outlaw private trade, nationalize industry, confiscate property, seize grain and redistribute it in the cities—all policies that required mass violence to implement. In 1918, Lenin himself suggested that peasants should be forced to deliver their grain to the state, and that those who refused should be “shot on the spot.” Although some of these policies, including forced grain requisitions, were temporarily abandoned in the 1920s, Stalin brought them back at the end of the decade, eventually enlarging upon them. And no wonder: they were the logical consequence of every book he had read and every political argument he had ever had. Stalin, as Kotkin reveals him, was neither a dull bureaucrat nor an outlaw but a man shaped by rigid adherence to a puritanical doctrine. His violence was not the product of his subconscious but of the Bolshevik engagement with Marxist-Leninist ideology. This ideology offered Stalin a deep sense of certainty in the face of political and economic setbacks. If policies designed to produce prosperity created poverty instead, an explanation could always be found: the theory had been incorrectly interpreted, the forces were not correctly aligned, the officials had blundered. If Soviet policies were unpopular, even among workers, that too could be explained: antagonism was rising because the class struggle was intensifying. Whatever went wrong, the counterrevolution, the forces of conservatism, the secret influence of the bourgeoisie could always be held responsible. These beliefs were further reinforced by the searing battles of 1918–20 between the Red and White Armies. Over and over again, Stalin learned that violence was the key to success. “Civil war,” Kotkin writes, “was not something that deformed the Bolsheviks; it formed them … [providing] the opportunity to develop and to validate the struggle against ‘exploiting classes’ and ‘enemies’ (domestic and international), thereby imparting a sense of seeming legitimacy, urgency, and moral fervor to predatory methods.”

Foquinhas Filhas da Puta

Você, intelectual, pessoa sensivel, acha isto uma barbaridade
 
E quanto a isto: Focas estupram pinguins e deixam pesquisadores intrigados. Em um dos casos, depois que a foca não conseguiu copular, ela matou o pinguim e se alimentou de sua carne. O que você acha?
 

O Baiano Vai Rebolar na Boquinha da Garrafa

Petrobras pede ação civil contra Gabrielli. O Conselho de Administração da Petrobras decidiu na sexta-feira encaminhar pedido de abertura de ação civil contra 15 funcionários -- incluindo José Sérgio Gabrielli, ex-presidente da estatal, e Nestor Cerveró, o ex-diretor da área Internacional, além de dois estrangeiros. A decisão é devido à polêmica compra em 2006 da refinaria de Pasadena, no Texas, responsável por um prejuízo de US$ 792,3 milhões.

Caraminguá de Petista

Para petista profissional roubar dinheiro público é esporte. Roubam tanto que perdem a noção de quanto roubaram. Todo bilhão é apenas um caraminguá do PT: Braço-direito do ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque, Pedro Barusco fechou acordo de delação premiada com as autoridades e se comprometeu a devolver aos cofres públicos 97 milhões de dólares – ou 253 milhões de reais – nesta segunda-feira. As informações são do jornal Folha de S. Paulo. Barusco era gerente-executivo de serviços da estatal, subordinado a Duque. O ex-chefe do agora delator foi preso na sexta-feira, durante a sétima fase da Operação Lava Jato da Polícia Federal.

O Império Baiano Vai Virar Vatapá: OAS sem SOS

A Bahia tem vantagens comparativas na bunda music, na produção de berimbau e nas sofisticadas obras de engenharia da OAS, engenharia financeira é claro. A OAS cresceu na ditadura militar socialista do Brasil graças a Toninho Malvadeza, que era um dos laranjas civis da mega-corrupção que assaltava o país e era comandada pelos generais. Sem malvadeza a OAS foi mamar no saco do PT, mas esperamos que ela vai se foder de green and gold: STJ nega habeas corpus a cinco executivos presos na Lava Jato.Desembargador manteve presos o presidente da OAS e o diretor-presidente da Área Internacional da empreiteira, detidos na sexta-feira

Foi Pegar os Caraminguá Pelo Grande Trabalho nas Eleições

Petista é foda, usa todos os recursos da máfia Turco-Fenícia a disposição: Duda Mendonça foi internado hoje à tarde no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. vítima de uma trombose.

No Rabicozinho de Dilma, Com Amor do Nestor

A defesa de Cerveró partiu para uma estratégia que, de tão ousada, parece quase impossível de prosperar. Silenciosamente, entrou com uma ação na Comissão de Ética Pública da Presidência transferindo a responsabilidade pela compra da refinaria de Pasadena para Dilma Rousseff.Para a defesa de Cerveró, se houve gestão temerária na Petrobras, cabe a Dilma – ex-presidente do Conselho de Administração – responder por ela.

Sunday, November 16, 2014

Cardozo, o Porquinho Petista que é um Leitão

Cardozo, o porquinho petista que ocupa o ministério da justiça, está tentando transformá-lo numa Casas da Banha, onde o ridículo e a impostura são mais baratos. Sorte nossa que a despeito dele ainda não virou numa pocilga. Notem seu esforço, por Reinaldo Azevedo: Cardozo — não posso ver a sua figura sem me lembrar da doce metáfora que Dilma lhe dispensou: , um dos “Três Porquinhos… — está acostumado a não ter limites. Afirmou a jornalistas que Dilma deu sinal verde para levar adiante as investigações… Como, excelência? Quer dizer que, se ela tivesse dado sinal vermelho, aí tudo seria paralisado? Ela nem dá nem deixa de dar sinal verde. A PF não obedece a esse tipo de comando.Cardozo deu outra resposta deliciosa quando indagado sobre a suposta participação de João Vaccari Neto, tesoureiro do PT, nos escândalos da Lava Jato: “Eu não faço isso com amigos, não faço com inimigos. Vamos olhar os fatos e investigá-los”. Bem… Inimigo do ministro Vaccari não é. Só restou o papel de “amigo”…A entrevista de Cardozo foi um despropósito. Chega a ser estarrecedor que, um dia depois daquela penca de prisões — incluindo a de Renato Duque, ex-operador do PT —, este senhor venha a público para tentar passar um pito na… oposição!!! É espantoso a solenidade com que ignora a importância do cargo que ocupa.

O Estadão Pede o Enquadramento de Lula e Dilma no Crime de Responsabilidade no Assalto e Roubalheira Descarada da Petrobras

O jornal O Estado de São Paulo em seu editorial mostra que Lula e Dilma não apenas sabiam de todos os crimes cometidos por seus asseclas na Petrobras, e nada fizeram para impedi-los, pelo contrário, exigiram que o TCU liberasse o dinheiro para vários projetos superfaturados. Eles são responsáveis pelos crimes e devem responder na justiça por eles.

Bernstein: On the Waterfront - Guido Maria Guida direttore


A Imprensa Aparelhada e o Fora Dilma, Fora PT, Fora Foro

Felipe Moura Brasil bate bem na cobertura canalha da imprensa infiltrada e aparelhada do Brasil: Protestos petistas X Protestos anti-PT: a diferença de cobertura da imprensa Parte I.Este foi o ato dos militantes petistas na quinta-feira em São Paulo, em resposta aos protestos anti-PT do dia 1 de novembro e do dia 15.Manifestação CUT MTSTNa foto, que não mostra bandeira alguma do Brasil, você pode ver:1) O símbolo do comunismo – foice e martelo – na bandeira do PCdoB.A imprensa disse que manifestantes querem o implantar o comunismo no Brasil? Não! Explicou que os regimes comunistas mataram mais de 100 milhões de pessoas no século XX em tempos de suposta paz? Não!Dilma UJS2) A bandeira da União Juventude Socialista (USJ).A imprensa informou que foram os militantes deste grupo que depredaram e picharam a sede da Editora Abril às vésperas da eleição, após VEJA publicar a notícia de que Lula e Dilma sabiam da roubalheira da Petrobras (como o próprio Estadão viria a ratificar em editorial)? Não! Disse que manifestantes lutam contra a liberdade de imprensa em prol da censura no Brasil? Não!3) A faixa da “Ocupação Carlos Marighella”.A imprensa informou que Carlos Marighella foi um terrorista de extrema esquerda de um dos grupos mais violentos da luta armada – a Ação Libertadora Nacional (ALN) -, que explodia bombas em locais públicos e matava inocentes? Não! Que ele defendia abertamente em seu “Minimanual de guerrilha” a “execução sumária” que seu grupo praticava? Não! Disse portanto que os manifestantes defendem os métodos homicidas de Marighella na luta política em prol de uma ditadura socialista? Não!Folheto CubaAcha que estou sendo exagerado?Pois eis – aí ao lado – o panfleto distribuído na manifestação petista, como já mostrei aqui.A imprensa fez alguma manchete dizendo que manifestantes pediam que Brasil virasse uma grande Cuba? Não!Explicou que se trata de um regime ditatorial responsável pela morte de ao menos 100 mil pessoas, mais de 17 mil delas sendo opositores políticos fuzilados no paredón, como até Che Guevara admitiu que fazia em discurso na ONU em 1964? Não!Parte II.Este foi o protesto anti-PT que reuniu em São Paulo cerca de 10 mil pessoas, segundo a Polícia Militar, em estimativa para lá de modesta.Dia 15 Controle da Mídia 2Na foto, além de numerosas bandeiras do Brasil, você vê pedidos de investigação da roubalheira na Petrobras, de impeachment da presidente, de liberdade política; além do repúdio ao controle petista da mídia e a ditaduras em geral.Conforme o esperado, no entanto, um grupo minoritário de sabotadores do protesto levou um carro de som que pedia intervenção militar e, mesmo tendo a imensa maioria se afastado do dito-cujo e seguido para a Praça da Sé com os líderes que repudiam o militarismo, as manchetes dos grandes portais de notícias ficaram assim:No Globo Online:“Ato contra Dilma em São Paulo se divide entre defensores da democracia e da ditadura”.Na Folha Online:“Pedido de ação militar racha protesto contra Dilma na Paulista”.No Estadão Online:“Pedido de intervenção militar racha protesto anti-Dilma na Paulista”.No UOL:“Lobão abandona ato após pedido de ação militar”.Se no protesto do dia 1 bastou um tal de Sérgio Salge – curiosamente entrevistado por Folha e Estadão – pedir intervenção para que a imprensa ajudasse a tachar o movimento inteiro de golpista, agora um carrinho de som não ia mesmo sair barato.Sim: o cantor e compositor Lobão protestou no Twitter contra o carro de som dos intervencionistas, mas depois se juntou à massa na Praça da Sé.O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB), que foi candidato a vice na chapa de Aécio Neves, foi certeiro:“Há um exagero da imprensa em relação a meia dúzia de gatos pingados que defendem a intervenção militar. É evidente que sou contra e o PSDB também.”Aloysio disse ainda que é contra o pedido de impeachment “neste momento”: “O impeachment pode vir a ser colocado dependendo da investigação. O que nós queremos é a apuração”, disse ele, referindo-se à Operação Lava Jato da Polícia Federal.Este, obviamente, é o mesmo discurso de líderes do movimento desde o começo. Alexandre Santos falou assim no dia 1, como mostrei aqui; e Paulo Eduardo Martins o repetiu agora: “Queremos que as investigações venham à tona e, se for o caso, que essa dona Dilma seja escorraçada da Presidência da República.” Todos sabem que impeachment não cai do céu, de modo que gritar por ele, assim como o PT gritava “Fora FHC” e “Fora Collor”, é apenas uma forma popular de cobrança de apuração.No microfone, outros líderes ainda disseram:- Não há caminho fácil para derrotar o PT. Não adianta pedir pelo Exército. Isto não vai acontecer. Nós é que somos um Exército!- Não vamos lutar por intervenção militar. A intervenção é popular!Mas nada disso importa a jornalistas consciente ou inconscientemente militantes. O protesto anti-PT mostrou que o monopólio esquerdista dos movimentos de massa já acabou. O que não acabou foi a cobertura esquerdista dos grandes portais de notícia.E o que eles não fazem para não falar do Foro de São Paulo, não é mesmo? Volto ao tema no próximo post.

Friday, November 14, 2014

Está na Hora de Prender Lula e Dilma: Chefes do Assalto a Petrobras

O Estado de São Paulo afirma que Lula e Dilma sabiam de toda a roubalheira na Petrobras. Está na hora das instituições agirem para garantir o estado democrático de direito no Brasil e predê-los imediatamente.

Os Bandidos das Empreiteiras Presos Hoje na Lava a Jato

Juscelino Kubitschek criou o monstruoso incesto entre estado e empreiteiras. Um dos seus bastardos, a mineiríssima Mendes Junior, foi contemplada hoje pela primeira vez em sua história bandoleira com a prisão de vários dos seus diretores. Outras empreiteiras que cresceram na ditadura, como a OAS, também estão no esquema de assalto petista a Petrobras e tiveram seus diretores presos. O Juiz Sergio Moro é um herói nacional, finalmente põe no xilindró corruptos e corruptores. Vejam as fotos da canalha.

Friboi, BNDES e PT

No oceano de roubalheira e corrupção do PT, há uma empresa que se destaca: a Friboi. Ela tem recebido dinheiro público subsidiado via empréstimos secretos do BNDES desde o governo Lula. A triangulação é simples e evidente: parte desse dinheiro público é canalizado para manter o PT no poder. Diario do Poder sintetiza: NOS EUA, DOAÇÕES DA FRIBOI SERIAM CASO DE POLÍCIA. JOESLEY BATISTA, DO FRIBOI, USOU R$253 MILHÕES PARA ELEGER DE PRESIDENTE A 32% DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

As Vagabundas do Femen Protestam no Vaticano

Socam um crucifixo no rabo e depois exigem respeito...

PETRALHA ALERT!! Pegaram Operador de Lula na Petrobras

PF prende ex-diretor da Petrobras e executivos de grandes construtoras na Operação Lava-Jato.Renato Duque, o ex-diretor da Petrobras indicado pelo PT, foi preso de manhã; Ricardo Pessoa, presidente da UTC e outros quatro diretores de empreiteiras foram detidos pela PF. Irmã de Vaccari foi levada para prestar depoimentos.

O Petista Que Era Quinta Feira

O petista Marcos Lisboa de uma hora para a outra decidiu virar economista, só porque andou na Simonsen turnpike: trabalhou para Lula e do governo saltou feliz, alegre e confiante para o setor financeiro privado. Se voltou para a academia é porque quase certamente encheu as burras de dinheiro. Apenas recentemente entendeu que o seu partido destruiu o país, faz então este esforço para se descolar do lulo-petismo.

Wednesday, November 12, 2014

Eric Hobsbawm, Estoriador

Hobsbawm, o disseminador de marxismo e de invencionices comunistas, só é considerado historiador em selvas como o Brasil e por selvagens desinformados. O historiador britânico David Pryce-Jones o descreve corretamente: EXAME - O historiador Eric Hobsbawm, morto no início do mês, era considerado um grande intelectual de orientação marxista. Qual sua opinião sobre ele? David Pryce-Jones - Hobsbawm nunca entendeu seu erro. Primeiro, ele pouco pesquisava arquivos, documentos, para produzir algo original. Só repetia o que outros diziam. Ele defendeu a União Soviética em toda a sua carreira, mesmo quando os assassinatos ordenados por Josef Stalin ficaram conhecidos. Isso não é ser historiador, mas propagandista. É intrigante como um homem tão inteligente pudesse ter estado tão errado. Daqui a 200 anos, talvez alguém escreva um livro sobre o século 20 — e Hobsbawm será uma nota de rodapé.

A Patifaria dos Patifes: Marta vs. Mantega

Mantega demonstra irritação e rebate críticas de Marta à política econômica do governo. Ontem Marta Suplicy pediu para sair do governo Dilma temendo ser merecidamente bicada. Mas ao sair jogou bostox no ventilador e disse que espera um ministro da fazenda competente, ou seja, o inverso de Mantega. Mantega ficou irritado e disse que Marta nao tem talento.

Caraminguá Pro Paraíba

O Nordeste está em equilíbrio político há séculos, seu ponto fixo é um conjunto de famílias que monopoliza o poder e assalta a coisa pública. Na Paraíba uma das famílias é a do overrated jornalista flamenguista José Lins do Rego [na realidade seu caso é o de duas famílias], mas o que interessa aqui é que a falta de caráter aparentemente corre no DNA: Presidente da CPI da Petrobras será indicado para o Tribunal de Contas da União.Vital do Rêgo teve postura questionada pela oposição na sessão desta terça-feira quando manobrou para impedir convocações. O presidente da CPI da Petrobras, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), já tem garantido seu prêmio pela atuação na comissão, questionada por parlamentares da oposição.

Tuesday, November 11, 2014

China Aplica Impiedosamente a Jeba na Argentina

Todos os governos bolivarianos da américa latrina permitem a entrada e difusão de agentes cubanos travestidos de médicos. É uma evidente afronta a soberania nacional e visa ao sucesso de um futuro golpe comunista nesses países. Mas só mesmo a Argentina para se diferenciar. Ao invés dos cubanos, a Argentina abre as pernas para os chineses. Entre tantos absurdos do governo bolivariano de Cristina Kirchner essa notícia sobre a China acabando com a soberania territorial da Argentina fica certamente no topo.

Pela Cassação do Deplorável Senador Cristovam Buarque

Durante os debates na Comissão de Direitos Humanos sobre a proposta de regulação (legalização) da maconha, o senador, no papel de relator da proposta, impediu que fosse efetuada a prisão de um indivíduo, que, ao final de sua fala, acabara de oferecer CBD (Canabidiol, derivado da maconha, substância ilegal no Brasil) a todos os presentes, em cadeia nacional de televisão. Em seguida, houve três tentativas de dar voz de prisão ao meliante (efetuadas pelo sr. Marlan Gustavo Ferreira, pelo promotor Sérgio Harfouche e pelo policial civil Moisés Moreno), tentativas que foram OBSTRUÍDAS pelo senador Cristovam Buarque. Como se isso não bastasse, ao final da sessão o senador ainda impediu que o indivíduo fosse revistado pela polícia e o conduziu para fora do Senado Federal em seu próprio veículo. Com isso, o senador Cristovam Buarque: 1) Violou frontalmente a Constituição Federal, que garante a todo e qualquer cidadão o direito (e o dever!) de dar voz de prisão a qualquer pessoa que cometa um ilícito ou ameace a ordem pública. 2) Obstruiu a ação da Polícia e do Ministério Público. 3) Induziu os agentes públicos presentes à prática do crime de prevaricação. 4) Cometeu ele mesmo o crime de PREVARICAÇÃO. 5) Cumpliciou-se com um traficante de drogas. Por isso tudo, exigimos a CASSAÇÃO DO MANDATO DO SENADOR CRISTOVAM BUARQUE, e que ele RESPONDA JUDICIALMENTE POR ESSE ATO ILEGAL, IRRESPONSÁVEL, AUTORITÁRIO, INACEITÁVEL NUM ESTADO DE DIREITO.

A Lei, os Procuradores e o Engavetador Geral da República

Um dos cargos mais importantes da república é o de procurador geral da república. Ele filtra, seleciona, os processos importantes. Se for um pulha, um escroque, ou seja, um petista, sua função passa a ser a proteção dos criminosos do seu partido através do engavetamento sistemático dos processos. Isso implica em por a vida dos procuradores honestos e trabalhadores em risco:
O senhor e seus colegas apontaram a presidente Dilma Rousseff como sendo uma das participantes, pois ela teria feito um discurso em Araçatuba, junto com Sérgio Machado, indicando que a cidade é a que seria escolhida na licitação, embora o processo nem tivesse sido iniciado." Realmente, pedimos sim a investigação da presidente, mas o procurador-geral nos enviou resposta em setembro, dizendo basicamente que o discurso teve conotação política e não justificava a abertura de investigação criminal para apurar a participação da presidente".

Monday, November 10, 2014

O Abominável Cristovam Buarque

Maconheiro oferece CBD em plena audiência pública no Senado Federal e o senador Cristovam Buarque defende abertamente o traficante de drogas e seu crime. Deveria perder o mandato imediatamente.

Sunday, November 9, 2014

A Praga Turco-Fenícia e a Corrupção no Brasil

Não existe corrupção no Brasil que não tenha um pensador, um homem capaz de inventar esquemas de extração, limpeza e distribuição do dinheiro público roubado por petistas, coronéis nordestinos, e seus apaniguados. Os turco-fenícios têm vantagem comparativa na produção desses pensadores do crime. Neles o espírito empresarial, de mascates vendedores de enciclopédia, se mistura perfeitamente com a selvageria mais pura e cristalina. É impossível explicar o atraso do Brasil sem falar da contribuição decisiva dos Turco-Fenícios. Vejam o caso do assalto petista a Petrobras, em que o turco-fenício Yousseff é figura destacada. Agora descobriram o turco-fenício do turco-fenício Yousseff, Adir Assad: Em 2012, durante a CPI que investigou o caso Delta, o empresário Fernando Cavendish, dono da empreiteira, delatou a ação de Assad. Disse que o libanês era quem distribuía aos parlamentares o dinheiro desviado pela Delta e por outras grandes empreiteiras que mantinham contratos com o DNIT. Cavendish entregou o nome de 19 empresas de fachada usadas por Assad para sacar os recursos. O empresário chegou a ser convocado a depor, mas não disse nada – protegido por um habeas corpus. A oposição também tentou quebrar o sigilo de suas empresas, mas a maioria governista na CPI rejeitou o requerimento.Agora, Assad volta ao centro das investigações. Nos sigilos bancários do esquema Youssef, a Polícia Federal descobriu ao menos cinco das 19 empresas fantasmas de Assad: Soterra Terraplenagem, Legend Engenheiros Associados, JSM Engenharia, Rock Star Marketing e SM Terraplanagem. Entre 2009 e 2011, elas receberam mais de R$ 65 milhões em recursos desviados de contratos da Petrobras com a empreiteira Toyo-Setal. O dinheiro escorreu por meio de uma filiada, a Tipuana Participações Ltda., registrada em nome de Augusto Ribeiro de Mendonça, que há poucos dias firmou com o Ministério Público Federal um acordo de delação premiada. Mendonça é o segundo executivo do grupo Toyo a assinar um termo de colaboração. O primeiro foi Júlio Camargo, cujas revelações têm surpreendido os procuradores.

Friday, November 7, 2014

Dilminha 2, Com Amor e Compreensão Só Vai Botar a Cabecinha, Hidrocéfala

Dilma começa seu segundo mandato seguindo o Lulinha paz e amor. Ela está cheia de carinho para dar. Promete só botar a cabecinha e com um beijinho na nuca diz que não vai doer.
 
Cabecinha anatômica do segundo mandato da Dilminha 2.

Controle Social da Mídia e a Gazeta Bolivariana Folha de São Paulo

A Folha de São Paulo é o órgão oficial do PT. Sua função social é espalhar mentiras inventadas pelos militantes do PT e dar um toque de pretensa sofisticação intelectual ao rasteiro e desonesto discurso socialista. Mas como é a principal gazeta bolivariana do Brasil, a Folha de São Paulo tem que se ajustar aos novos tempos de Dilminha 2. Dilma chegou para arrebentar, foder com o país e nossas liberdades. Sua primeira vítima é a Liberdade de imprensa. A Folha para continuar recebendo as migalhas do governo entra na linha e começa a caça as bruxas na própria casa. Está demitindo todos os jornalistas que nao lutaram com unhas e dentes pelo PT nas últimas eleições, incluindo Eliana Catanhede. Leitor, se você não é calhorda ou bandido, boicote a Folha de São Paulo.

A Canalha do PT Negocia com a Corja do PSDB

Josias de Souza relata: Com loquacidade ensaiada, Aécio aproveitou os mais de 51 milhões de votos que recebeu dos brasileiros para elevar a estatura da oposição. Longe dos holofotes, no entanto, o PSDB dialogou com o PT para rebaixar o teto na CPI da Petrobras. A portas fechadas, tucanos, petistas e Cia. definiram o que não desejam investigar. No melhor estilo uma mão suja a outra, tiraram de cena políticos e operadores que estão pendurados de ponta-cabeça no noticiário sobre o escândalo da Petrobras.Pelo lado do PT, foi à gaveta o requerimento de convocação do tesoureiro João Vaccari Neto, acusado de fazer o traslado da propina da Petrobras até as arcas do petismo. Enfurnaram-se também as convocatórias da senadora Gleisi Hoffmann e do seu marido, o ministro Paulo Bernardo (Planejamento). Ela foi apontada como beneficiária de uma youssefiana de R$ 1 milhão para a campanha de 2010. Ele foi mencionado como uma espécie de agenciador.(...) O deputado tucano Carlos Sampaio dançou conforme a música, um chorinho bem brasileiro: “Decidimos excluir os agentes políticos e os citados nas delações premiadas. Abrimos mão de ouvir Gleisi e Vaccari. Todo mundo concordou.'' Repita-se, por eloquente, a última frase: “Todo mundo concordou”. Espanto! De novo: “Todo mundo concordou”. Pasmo! Mais uma vez: “Todo mundo concordou”. Estupefação.”No escurinho da CPI, tucanos, petistas e toda a banda muda do Congresso desistiram também de quebrar os sigilos bancários, fiscais e telefônicos das empreiteiras acusadas de fraudar contratos na Petrobras. Optou-se, veja você, por requerer explicações por escrito. Estipulou-se um prazo: dez dias. A CPI ameaça torcer o nariz de quem desobedecer.

As Ciclovias de Haddad: Vermelhas como Chocolate

Fernando Haddad é mais uma dádiva intelectual da USP. Seu comunismo toma a forma bicicle, pois lhe falta o apoio dos bípedes. Ele está mudando radicalmente São Paulo, a horrorosa capital dos paulistas. Sua provisão de nova infra-estrutura é revolucionária: consiste em pintar as ruas de vermelho, sua cor ideológica, e chamar isso de ciclovia. Ocorre que até a tinta é petista, ou seja vagabunda e de má qualidade e está desbotando rapidamente. O comunismo é uma piada sinistra.